Técnicas básicas de medição e marcação em Marcenaria


Medir e marcar corretamente são fundamentais para uma marcenaria de qualidade. Pequenos erros aqui vão se somando durante o projeto e podem prejudicar muito o produto final e gerar perda de material.

Principais Situações Encontradas

Marcar o local de um parafuso ou o local onde a madeira será cortada são algumas das aplicações mais comuns das técnicas de medição e marcação.

Veja abaixo as principais situações que um marceneiro hobbysta encontra no dia a dia:

Ferramentas Utilizadas

Ter boas ferramentas é tão importante quanto usar as técnicas certas. Nesse artigo vamos demonstrar as técnicas usando ferramentas básicas: lápis, régua, trena e esquadro.

Técnicas de Marcação e Medição

Veja como aplicar as técnicas e ferramentas em cada uma das principais situações:

Usando Régua Recomendado para marcações perto da borda

  • Alinhe a borda com a ponta da régua. Dica: para uma maior precisão apoie a régua em um pedaço de madeira (vide Imagem 1 abaixo, clique se quiser ampliar)

  • Incline a régua para aproximar as marcações da régua da superfície da madeira e reduzir o erro na hora de marcar (Imagem 2)

  • Segure a régua com firmeza e marque o ponto desejado usando o lápis

Usando Trena Recomendado para marcações longe da borda

  • Prenda o gancho na borda e puxe a trena

  • Assim como na régua, incline a fita e faça a marcação (Imagem 3)

Usando Esquadro

  • Meça a distância desejada da borda superior e faça uma marcação em forma de “V” . Ela junta duas características legais: é bastante visível e ao mesmo tempo indica com clareza o ponto medido. (Imagem 4)

  • Pressione o cabo do esquadro contra a borda da madeira e deslize até que suas marcações fiquem sobre o “bico” do V marcado (Imagem 5)

  • Incline o lápis para que ele encontre a madeira no ponto correto. Segure o esquadro com firmeza e deslize o lápis suavemente seguindo a régua. Faça uma linha fina para reduzir a margem de erro da marcação

  • Se você estiver medindo para depois cortar, deixe claro o lado que será cortado. Isso elimina o risco de você cortar o lado errado e desperdiçar material (Imagem 6)

Usando Régua

  • Meça duas vezes a distância da borda superior. Dê um espaço entre as duas medições (Imagem 7)

  • Posicione a régua ligando os dois pontos

  • Segure a régua com firmeza e deslize o lápis suavemente​ (Imagem 8)

  • Note como o esquadro “economiza” uma medida

Usando Esquadro

  • Meça a distância da borda lateral com uma régua ou trena (Imagem 9)

  • Posicione o esquadro a 90º da borda superior da peça (Imagem 10)

  • Marque a peça com o lápis

  • Depois de terminar a marcação, uma dica legal é conferir a distância da reta. Como diz o velho ditado da marcenaria “Meça duas vezes e corte apenas uma” (Imagem 11)

Usando Régua

  • Meça a distância da borda lateral em dois pontos diferentes, de preferência com uma boa separação entre eles

  • Posicione a régua de modo a ligar esses dois pontos

  • Segure a régua e marque a peça com o lápis​

Usando Esquadro

  • Pressione a parte inclinada do cabo do esquadro contra a borda lateral da madeira (Imagem 12)

  • Posicione o seu lápis na ponta, inclinado assim como nas dicas do passo anterior

  • Segure firmemente o esquadro e marque a peça com o lápis (Imagem 13)

  • Veja como o esquadro é muito útil para permitir traçar retas a 45º de maneira muito simples

Usando Régua

Lembra daquelas aulas de matemática que você achou que nunca usaria? Agora é hora de usar

  • Meça a “sombra” da distância que será marcada (Imagem 14)

  • Transfira essa distancia para a borda oposta da peça e marque um ponto no topo (Imagem 15)

  • Ligue os pontos usando a régua. Se você fez o processo direitinho note que dois dos lados do “triangulo” tem o mesmo tamanho. Isso garante que o ângulo da reta é de 45º (Imagem 16)

Conclusão

Com uma trena, um lápis, uma régua e um esquadro você pode se virar muito bem em quase qualquer situação no cotidiano de um hobbysta. É só escolher boas ferramentas e aplicar as técnicas certas.

Concorda com o que leu? Tem alguma outra técnica ou dica interessante? Nos conte mais nos comentários

Leia mais:

4 dicas para parafusar madeira como um marceneiro profissional

Como escolher a melhor Parafusadeira para comprar

Como e quando aplicar Verniz, Tinta, Seladora, Massa ou Fundo na Madeira